Mundo Giro

Posts Tagged ‘jogos verbais

Quem é que não se lembra de, na sua infância, ter dito ou cantado um trava-línguas ou uma lenga-lenga?
E de jogar a algo que tinha por base uma música que parecia não fazer sentido mas que rimava?
Esses jogos são intemporais, havendo sempre uma altura em que as crianças dizem ou jogam, mesmo que não saibam que o estão a fazer.

No entanto, existe alguma confusão sobre o que é uma lenga-lenga e um trava-linguas, e quais as suas diferenças.

Lenga-lenga corresponde a um conjunto de frases curtas que rimam, com muitas repetições que ajudam a decorar com facilidade. Estão, por norma, associadas a jogos e músicas.

Por exemplo:

A criada lá de cima
A criada lá de cima
é feita de papelão.
Quando vai fazer a cama,
diz assim para o patrão:
Sete e sete são catorze,
com mais sete são vinte e um;
tenho sete namorados
e não gosto de nenhum!

Pico pico saranico
Pico pico saranico
quem te deu tamanho bico?
Foi a filha da rainha
que está presa na cozinha.
Salta a pulga na balança
dá um pulo vão p’ra França.
As meninas a correr,
as meninas a aprender;
a mais bonita de todas
comigo se há-de esconder.

Um trava-línguas é composto por um conjunto de palavras que formam uma frase de difícil articulação, por haver concentração de sílabas difíceis de pronunciar e sons que se repetem, mas por ordem diferente.

Para complicar ainda mais, devem ser ditos de forma rápida e clara. O nome diz tudo: a dificuldade aqui é conseguir dizer do início ao fim sem que a língua trave. São considerados jogos verbais, que ajudam a aperfeiçoar a pronúncia e fomentam a disputa saudável entre amigos.

Por exemplo:

Esta burra torta trota
Esta burra torta trota;
trota, trota, a burra torta.
Trinca a murta, a murta brota;
brota a murta ao pé da porta.

Percebeste?
Se percebeste, percebeste.
Se não percebeste,
faz que percebeste
para que eu perceba
que tu percebeste.
Percebeste?

Para quem quiser testar as suas habilidades ou recordar outros exemplos, recomendo a autora Luísa Ducla Soares.
Experimentem em grupo, que será ainda mais Giro!

Tânia Sereno
Mundo Giro
Kid Spotter @On Spot Marketing

 


Imagine um Mundo Giro onde acontece uma feira de brinquedos entre miúdos, onde eles aprendem noções de valor?

É um projeto social, sem fins lucrativos, lúdico e sobretudo educativo.

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.